Curso de Redes Sociais - Inscreva-se Já!

Governo vai usar redes sociais para monitorar a dengue a partir de novembro

O Ministério da Saúde vai usar as redes sociais para ampliar o monitoramento da epidemia de dengue. Fonte: R7. A iniciativa começa em novembro no Twitter, e será feita, inicialmente, para municípios com mais de 100 mil habitantes. Palavras como dengue e febre serão rastreadas por região semanalmente e, posteriormente será verificado se há aumento de casos nesses locais.

De acordo com a pasta, o monitoramento das redes sociais não vai substituir o sistema de vigilância já existente, e sim, aprimorá-lo. Vai funcionar assim: se a análise indicar que em uma localidade há aumento de menções à dengue no Twitter, mas sem aumento de casos notificados, pode ser um sinal de que há subnotificação dos casos, ou atraso nas notificações.

O secretário de vigilância em Saúde do ministério, Jarbas Barbosa, comentou a iniciativa,

– Vamos fazer experiência de monitoramento pelas redes sociais, o que hoje só pode ser feito no momento em municípios com mais de 100 mil habitantes. Primeiro pelo Twitter, e depois vamos expandir para o Facebook. Esse monitoramento vai possibilitar ao gestor ter mais uma fonte de informação.

Os técnicos do ministério poderão, por meio de códigos de computação, identificar se a menção à doença é real, ou se é uma brincadeira com o uso da palavra dengue. Além disso, combinações de palavras com os sintomas das doenças também serão monitoradas.

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, disse que a equipe do ministério percebeu que “os comentários nas redes podem antecipar os registros de casos que muitas vezes ainda não estão notificados”.

– As redes serão mais um dado de antecipação de risco de epidemia. Se a gente agir antes, a gente terá mais chances de conter a epidemia.

A iniciativa é uma das ações do plano de enfrentamento da dengue para o verão 2011-2012, apresentado nesta terça-feira (11) pelo Ministério da Saúde. O plano inclui ainda aumento de R$ 90 milhões nas verbas aos municípios para o combate à doença. Em 2011, 984 municípios receberam R$ 450 milhões desde janeiro para o combate á doença.

De acordo com o Ministério da Saúde, as mortes em decorrência da dengue caíram 25% em 2011.

Curso de Redes Sociais

Postado por:

Vincent Benedicto: Diretor de SEO (Search Engine Optimization) e Marketing Online da Griff Art & Design.

Nenhum Comentário to “Governo vai usar redes sociais para monitorar a dengue a partir de novembro”

  1. […] Leia mais: Governo vai usar redes sociais para monitorar a dengue a partir de … […]

Comente esse Post